imagem4

Dedicação eterna

Para realizar o dom de Deus serão necessários vinte quatro anos de espera dolorosa, mas ativa e fecunda, em que o senhor forma a sua missionária, através do sofrimento, da purificação interior, da escuridão da fé. Por sua vez, Madre Maria Catarina torna-se a animadora incansável da sua comunidade, a qual participa da sua ânsia missionária. A história de Ir. Catarina conduz ao caminho da verdadeira solidariedade, o qual se concretiza em ajuda constante aos mais necessitados. Foi uma grande mulher não porque fez muitas coisas, mas porque muito amou. Vivendo uma vida intensa de oração que transbordou na ação. Não tinha grandes estratégias de ação para acabar com a miséria e a pobreza, mas eram os pequenos e grandes problemas de cada pessoa que moviam o seu coração de mãe.

Isabel Luiz