1jesus-me_ama600

Confiança em Deus

Em uma carta a Mons. Guasco, as religiosas externaram a alegria de poder abrir uma outra Comunidade Religiosa no Egito, justamente perto do lugar em que, segundo a tradição, viveu a Sagrada Família quando fugiu para lá. Foi este o início de um relacionamento epistolar, através do qual o bispo expõe às Irmãs a difícil situação ambiental e, embora exortando-as a não perderem o entusiasmo e a esperança, convida-as a aguardar o momento destinado pela Providência para realizar a Vontade de Deus e, para obter os meios oportunos e se prepararem para todas privações e sofrimento, firmando se bem no espírito de São Francisco. Nesta expectativa, passaram-se se longos anos, no decorrer dos quais Irmã Catarina vai adquirindo todas aquelas disposições e condições que farão dela a missionária corajosa, forte e de limitada confiança em Deus. Com a habitual confiança no Senhor e na Providencia e o espírito de iniciativa que a distingue, ocupa-se em obter todos os recursos necessários à realização do empreendimento.

Isabel Luiz